quarta-feira, 15 de junho de 2011

BCFV - Juventude


Dia 15, cá estamos em mais uma Blogagem Colectiva Fases da Vida, desta vez dedicada à Juventude. 

 (Ai) Quem me dera... ter outra vez vinte anos...
25

mas saber o que sei hoje... 


São frases feitas, são até letras de canções um tanto ou quanto trágicas, que tantas vezes se ouvem, mas que agora até começam a fazer um bocado de sentido... 
já estou a ficar pitosga, tenho dores nas articulações quando o tempo arrefece, resmas de cabelos brancos... em suma, a velhice aproxima-se a passos largos! :))
Por outro lado, há sempre aquele diabinho aquela vozinha no nosso ouvido: se tivesses feito assim, ou assado... as coisas seriam diferentes... devias ter feito aquilo e não isto, devias ter ido por ali e não por aqui... etc., etc.

Bom, mas hoje estamos aqui para falar da juventude, portanto vamos fazer uma grande viagem no tempo, e aterrar algures nos finais dos anos 80. 

Estive um bocado bloqueada para falar desta fase, ao contrário das anteriores. Finalmente, resolvi destacar três pontos da minha juventude que me marcaram, de maneiras totalmente diferentes.

O primeiro destaque vai para o facto de ter sido madrinha desta linda menina


que hoje já tem 24 anos :/


Adorei ser madrinha dela, era uma boneca linda e doce, que eu adorava e que também gostava muito de mim. Recordo-a sempre a correr para mim com os bracitos abertos com uns 3 aninhos, era a coisa mais fofa!!
Agora cresceu... só a vejo uma ou duas vezes por ano, não vive em Portugal. Enfim. Mas posso dizer que aproveitei bem quando ela era criança. :)


O outro destaque vai para a mais bela cidade do mundo,


que tive o prazer de conhecer já há quase vinte anos, e que simplesmente adorei - e onde quero voltar, caso seja possível.
Foi tão emocionante chegar perto do Sena, todas aquelas pontes, chegava a ter a sensação de estar num lugar mágico. Sentia-me aos pulinhos por dentro, como uma borboleta. Oh, cidadezinha mais linda, a cada esquina se descobrem pormenores lindos da arquitectura, monumentos fabulosos, e, claro, a emoção de estar no cimo da Torre Eiffel - que vista deslumbrante!

Finalmente, quero destacar da minha juventude a minha Licenciatura em Línguas e Literaturas Modernas, que tirei por gosto, mas cuja escolha questiono tantas e tantas vezes, já que, quase vinte anos depois, continuo sem colocação fixa e efectiva nessa área. Apesar de ser uma licenciatura a sério: 4 anos + 2 de Ramo Educacional - estágio. Em qualquer local do planeta, devia ser garantia de maior estabilidade, não seria isso mais que justo? Mas enfim, agora não é hora de chorar... 

A minha pasta de finalista, com as fitas azuis (as mais bonitas)  :)
 E sou mesmo eu na foto aí em cima, só tive que a cortar porque estava lá uma pessoa por motivos que agora não interessam nada. :)
A maior parte das fotos está em casa da minha Mãe, não as trouxe a tempo. Fica para outra ocasião.

E, já que esta está a ser uma postagem meio saudosista, aproveito para recordar os tempos em que tinha menos treze quilos... :)))

saudade... da elegância :))
Foto tirada na Figueira da Foz. Não uma vulgar ida à praia, mas mais em jeito de passeio, daí o original fato-de-banho. Aliás, todas as pessoas que aparecem na foto estão vestidas. Quem conhece a  Figueira sabe que em certos dias, ao fim da tarde, não é brincadeira... já lá passei muitas noites de Agosto bem fresquinhas.

E pronto, cá vamos andando alegremente de fase em fase. Até à próxima, então. 

17 comentários:

Heloísa disse...

Claudia,
Sua juventude não está tão longe, e você nem deve pensar que a velhice se aproxima. Só se for no sentido geral, porque desde que nascemos estamos envelhecendo.
Adorei suas fotos.
Beijo.

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
Vc sinalizou 3 pontos deveras importante...
Sabe que não tive nenhuma afilhadinha fofa assim???
Fui morar longe e perdi todos os contatos...
Muito mais tarde: madrinha de Crisma e de casamento, não mais...
Conhecer lugares é muito bom... Também aprecio muito viajar...
Conquista profissional é típico da juventude...
Lindo o sue post!!!

"O verde só vinga com o Orvalho de Hermon, nas Montanhas do Sião".

Que o seu dia a dia seja amortecido pela força da juventude que habita em vc!!!
Bjs juvenis e de paz

Gina disse...

Cláudia,
Essa é uma fase de muita novidade, que passa pela questão dos estudos, profissão, amores, filhos...
Interessante você ressaltar a questão de ser madrinha. Tenho dois afilhados, mas, apesar do carinho que havia quando eram pequenos, não passou disso. Talvez porque a relação de meus padrinhos comigo não terem sido nada de especial. Eram simplesmente padrinhos por parentesco, apenas isso.
Os lugares nos deixam lembranças. Sendo boas, como desse que você relatou, ficam eternizadas e têm gostinho de saudade.
Não sei como vocês chamam mas essas "capas" usadas pelos universitários. Pude vê-las em Évora e até fotografamos os orgulhosos estudantes assim vestidos.
Cada vez se exigem formações, especializações e mais e mais... Porém, reconhecer o empenho que cada um teve para chegar onde chegou, aí é outra história...
Bjs.

Lúcia Soares disse...

Cláudia, que moça linda você era! E agora tenho certeza que és uma linda mulher, oras! Uma beleza dessas não se perde com o tempo, melhora, até!
Lembrar dos tempos passados é muito bom, mas nada como viver o presente, pois trazemos conosco todas as lembranças e elas nos bastam, visto que não há volta mesmo...
Gostei muito das suas lembranças.
Beijo.

Beth/Lilás disse...

Oi, Cláudia!
Que linda jovem você foi, parabéns!
Quando vi a chamada sua para este post, a foto bonita realmente chamou-me a atenção e vim verificar quem era.
Pelo jeito tivestes uma juventude maravilhosa e poderás passar o mesmo para sua linda filhota abaixo.
um grande abraço, carioca

Isabel disse...

Foi uma linda juventude, maninha. E a maturidade pode ser ainda melhor :)
Bjs

Abóbora Amarelinha disse...

Xiiii! ainda bem que não participei nesse jogo, ia ser choradeira de três em pipa.
ó gaja a foto tem "fotoxup" não tem?

ameixa seca disse...

Eu conheço-te e devo dizer que estás igual à primeira foto ;) 13 kg não é muito, não te esqueças que parte deles vieram da coisa mais importante da tua vida: a Carol ;)

✿ chica disse...

Tu ainda estás na juventude guria! Lindo tudo que trouxeste aqui.Lindas lembranças,não? um beij,obrigado pelo carinho,chica

Lucinhashomeandgarden disse...

Denise,

Você teve uma linda juventude, mesmo que você tenha escrito com um tom de tristeza. Desculpe-me se estou errada, mas foi isso que senti.
Você viajou, conheceu outros lugares lindos. Conheceu pessoas. Fez uma linda faculdade. Foi uma linda jovem e continua sendo. Posso ver isso em sua foto do perfil.
O tempo passa amiga. Não temos como fugir disso, mas a juventude permanece dentro de nós.
Amei essa foto da praia. Aqui é costume ir na praia vestida. Mesmo no verão. No Brasil, se fizermos isso, as pessoas acham graça. Risos
Muitos vão a praia só para passear, caminhar e curtir a natureza, e não pra ficarem torrados. Risos
Sua participação foi muito linda.
Beijos

Lúcia Soares disse...

Cláudia, repassei um Selinho para você, esteja à vontade para trazê-lo para seu blog. Não sei se os Selinhos são comuns em Portugal, mas aqui no Brasil eles circulam muito. Para mim foi difícil escolher apenas 12 blogs, dos muitos que acompanho, mas a lista foi saindo rapidamente da minha cabeça. Espero que o aprecie.
Beijo e bom fim de semana.

Denise disse...

É muito bom ter boas recordações, como as suas. Juventude é estado de espírito, e nosso espírito é jovem. Portanto, vamos viver e aproveitar tudo de bom q ela tem para nos dar. Muita paz!

RUTE disse...

Saio sempre daqui com um sorriso largo :)
Bem!!!! a tua filha é a tua cara chapada! Nota-se melhor nessa foto dos 20 anos.
Sabe tão bem ler as participações das pessoas que conhecemos pessoalmente. Isso torna ainda mais interessante esta coletiva.
Tenho pena que as outras miúdas que conheço aqui dos blogs não participem...
Mil beijos,
Rute

Virginia Jesus Fassarella disse...

Oi, Cláudia, através da Blogagem Coletiva te conheci. Sua história vem de encontro a muitas outras. Eu também tenho um diploma de curso superior que não me valeu de nada.
Mudando de assunto, aqui no Brasil fica difícil ir à praia de roupa, faz calor até no inverno, dependendo do dia. Beijos, querida, felicidades.

Cenourit@ disse...

Este desafio é excelente, mas... obriga-nos a recuar no tempo e relembrar fases da vida que acabam por nos deixar nostálgicas... Apesar dos quilos, dos cabelos brancos, da pitosguice e das dores, estás tal e qual aos 25 anos :)
E, nunca te esqueças, a juventude não está na idade que se tem... é ainda melhor depois dos quantenta ;)

Beijocas***

Blog da Rutha disse...

Cheguei tarde, mas me emocionei com o post ! Me fez lembrar minha própria vida em praticamente tudo ! Amanhã minha sobrinha querida completa 31 anos e minha afilhada completa 17 no mês que vem. Com 20 anos fiz um intercâmbio para aprender inglês em Londres e conheci Paris ! Espero voltar a ver esta cidade deslumbrante novamente !
Fiz faculdade de Ciências Sociais e nunca trabalhei, talvez para ficar com os filhos em casa, mas a verdade é que é uma área com poucas oportunidades. E finalmente só coloco fotos antigas minhas no blog pois estou uns 12 kg acima do que gostaria...
Eu não sei se gostaria de voltar a ter 20 anos, mas gosto de me lembrar de quantos sonhos tive ! Felizmente levo uma vida feliz !
Beijos
Laís

Zilda Santiago disse...

Belas fases,belos tempos quando provamos de td um pouco!!Bjs no coração.Vou seguir seu blog!