quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Bolinhos Areados



Ora bem, procurei, procurei, e não consegui encontrar nenhum sítio para hibernar!

Só a minha casinha, mas aqui não posso hibernar, porque há sempre que fazer... portanto, resolvi cair na real, e enfrentar o Inverno. Até porque felizmente a temperatura já começou a subir um bocadinho, o que para mim já é bom. Mas eu já estou como aquele ditado: «não posso com a seca nem com a inverna». É que eu no Verão, naqueles dias muito quentes, já andava a dizer: já estou farta de tanto calor, estou desejosa que chegue o frio. Ai é? Pois aí tens! Agora que ele chegou, pareço uma velhinha, toda encolhidinha. Enfim... o que se há-de fazer?


Pois precisamente para combater o frio, no sábado passado, eu e a minha irmã (e ainda com a ajuda da pasteleira baixinha) decidimos fazer uns bolinhos areados, ou areias.

A receita (O melhor da cozinha portuguesa - TV 7 dias) é a seguinte:

Ingredientes: 180gr de manteiga; 120 gr de açúcar; 270 gr de farinha; manteiga e açúcar q.b.

Unta-se o tabuleiro, polvilha-se com farinha e reserva-se. Liga-se o forno a 180º.

Mistura-se a manteiga com o açúcar até obter um creme. Envolve-se a farinha, e já se podem moldar os bolinhos.

Dispõem-se no tabuleiro



e levam-se ao forno aproximadamente 25 minutos. A meio da cozedura já se começa a sentir um belo odor pela casa. Recomenda-se é que não exceda os 25m, senão... começam a ficar "demasiado morenos" por baixo...

Retiram-se do forno e passam-se por açúcar.

Aqui está o resultado:



Ficaram muito bons, mesmo muito saborosos. Até a malandra da Safira, a nossa gata, quis provar. E parece que gostou, pelo menos lambeu-se de orelha a orelha!




Aspectos a melhorar: fazer as bolinhas mais pequenas e mais redondinhas; isto parece redundante, mas algumas ficaram um pouco espalmadas, acho que ficam mais bonitinhas redonditas, pelo menos é como as costumo ver nas pastelarias.

Mas, para primeira vez, ficaram óptimas.


12 comentários:

Isabel disse...

Ficaram deliciosas, temos que fazer outra vez para ficarem ainda melhores!

Claudia disse...

Claudia,

Sempre quis provar areias. Minha mãe tem um livro de cozinha portuguesa que tem uns 20 tipos de areias diferentes e eu sempre ria do nome. Taí uma receita que preciso testar.

Prá hibernar você precisa vir para cá uns tempos. Pura inspiração à hibernação. Já imaginou o dia clarear as 9h30 e as 15:00 já estar escuro de novo e a temperatura lá fora variando entre -10C e -2C entre a hora que você tem levar as crianças na escola e buscar! Eu saio da cama chorando!!!!

C.

Cenourita disse...

Hummm... esses bolinhos areados estão a rir-se para mim!!! Ai os marotos!!! Posso tirar um do pratinho só para provar??? :P

Beijocas***

Cláudia M. disse...

Meninas, sirvam-se à vontade. Eu e a maninha agora andamos numa de experimentar bolos e bolinhos, a lista já está enorme, o tempo é que é pouco.

Cláudia, eu tento imaginar, mas compreendo perfeitamente a sua angústia. Se eu tivesse que passar aí o inverno, ia sofrer um bocado, a adaptação deve ser bem difícil. Aqui o sol (quando aparece) nasce por volta das 7h, e começa a escurecer pelas 17, sempre temos mais um pouquinho de luz... mas tenha força, vá pensando no sol da meia-noite.
Beijinhos.

Nana disse...

Gatinha esperta! Eu tb lamberia e iria esconder o resto do pratinho.
Claudia, vem para cá! O sol esta super quente, nenhuma nuvem no céu e... um vento frio que não sei da onde vem hehehehe
Melhor que aqueles dias, que nem vento tem.
Ah a formula de tanta energia?
Olha boa pergunta, pq o ano passado não queria nem sair debaixo das cobertas. Acho que é o amor pela gastronomia e a falta de dinheiro para pagar um curso hehehe
Bjs querida

Cláudia M. disse...

Nana, eu tenho muitos dias em que não me apetece mesmo nada sair da cama, mas acredito que seja uma fase.
Eu até que ia para aí, mas de momento não posso... quem sabe um dia!
Tb me queixo de falta de €€/§§; mto trabalho, e os resultados só chegarão no próximo ano. Enfim, vai-se levando. Bjs.

Inside me disse...

Pois é...pois é.. hibernar de barriguinha vazia ... não dá.

...Mas com a barriguinha cheia e quentinha ... até o tempo melhora...

Abóbora Amarelinha disse...

mais redondinhos...menos achatadinhos...kékisso importa heim?
bom fim de semana .*_.*_.

ameixa seca disse...

É assim mesmo, aposto que não ficaste com frio enquanto estiveste a fazer os biscoitos!
Acho que nunca provei destes... devem ser deliciosos :)

Heloísa disse...

Claudia,
Esse é o lado gostoso do inverno : tomar um chá quentinho, ou café bem cheiroso, com esses bolinhos simpáticos. Nunca tinha ouvido falar em "areias" e achei a receita muito simples, e o resultado tentador.
beijos

Heloísa disse...

Claudia,
Acho que me enganei no nome. Os bolinhos não são "areias", o que daria idéia de bolinhos enfarinhados, mas são "areados", o que já dá idéia de bolinhos fofos, com ar, é isso?
beijo

Cláudia M. disse...

Heloísa, estes bolinhos aqui em Portugal até são mais conhecidos como Areias, mas na revista de onde tirei a receita o nome que estava era bolinhos areados. O que lhes dá o ar de areia é o açúcar que fica "grudado" neles. Estes ficaram uns minutinhos a mais no forno, mas é suposto não ficarem muito secos. Experimente, pq são mto saborosos.

Para todos: já me passou a vontade de hibernar (tb não admira, o frio deu umas tréguas...), mas qdo o fizer, vou levar provisões...

Bjs para todos